O líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE), disse nesta terça-feira, 17, na saída de um encontro de deputados da base com ministros no Palácio do Jaburu, residência do vice-presidente Michel Temer, que a bancada do PT “aplaudiu de pé” a exposição feita nessa segunda, 16, pelo ministro Joaquim Levy, da Fazenda, aos parlamentares petistas. “Estamos juntos pelo ajuste (fiscal). O ministro foi muito convincente ontem em sua fala. Ele foi aplaudido de pé”, afirmou.

Ainda segundo o líder, o PT e o governo terão um diálogo com as centrais sindicais para angariar apoio ao ajuste. “Estamos juntos”, disse.

A reunião na manhã desta terça-feira discutiu, além do ajuste fiscal, as medidas do pacote anticorrupção que será apresentado pelo governo no Congresso nesta quarta-feira, 17. Questionado sobre a oposição ter rechaçado o diálogo proposto pelo governo, Guimarães respondeu que isso é um erro. “Nenhum democrata pode fugir ao diálogo. Isso é um erro”.