O presidente Luiz Inácio Lula da Silva é o chefe de Governo latino-americano preferido pelos argentinos, seguido pelo venezuelano Hugo Chávez e pela chilena Michelle Bachelet, segundo uma pesquisa divulgada nessa quarta-feira (27).

A consultoria Ibarómetro de Buenos Aires detalhou que Lula, com 29,2% de popularidade, é o presidente que causa “maior simpatia” aos entrevistados. A cotação do presidente subiu dez pontos desde a última medição, feita em fevereiro. 

A pesquisa revela, porém, que 29,4% dos entrevistados não manifestaram preferência por presidentes latino-americanos.

O venezuelano Hugo Chávez foi citado por 19,1% dos consultados, enquanto a chilena Bachelet por 10,1%. Por outro lado, Chávez também foi o destaque entre os que causam menos simpatia, com 37,1% dos votos.

O segundo posto dos que causam percepções negativas ficou com o uruguaio Tabaré Vázquez, com 15,8%, que por sua vez conseguiu 3% de respostas positivas.

O boliviano Evo Morales também aparece timidamente entre as preferências com 8,7%, mas também aparece entre os menos simpáticos com 8,3%.

Os menos simpáticos foram Álvaro Uribe, da Colômbia, e Alan García, do Peru, com 1,3% e 03% respectivamente.