O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva elogiou no sábado a atuação da sucessora, Dilma Rousseff, na semana que antecedeu os protestos de hoje, em café da manhã no Palácio da Alvorada. Para o petista, a presidente “saiu do gabinete” e, com isso, conseguiu mobilizar políticos, movimentos sociais e empresários contra o impeachment.

Lula se mostrou otimista e destacou a importância da parceria com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), mas apontou como preocupações a rebelião na Câmara, comandada por Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e as notícias negativas da Operação Lava Jato. Dilma e Lula definiram uma agenda de viagens em separado para tentar recuperar a popularidade perdida pela presidente e pelo PT. (As informações são do jornal O Estado de S. Paulo)