A candidata à Presidência Marina Silva (Rede) disse, em nota, que o ataque sofrido pelo presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) em Juiz de Fora (PSL) é “inadmissível” e precisa ser “investigado e punido com todo rigor”.

+ Leia mais: Bolsonaro é esfaqueado durante ato político em Juiz de Fora (MG)

“A violência contra o candidato Jair Bolsonaro é inadmissível e configura um duplo atentado: contra sua integridade física e contra a democracia”, escreveu Marina. “Este atentado deve ser investigado e punido com todo rigor. A sociedade deve refutar energicamente qualquer uso da violência como manifestação política.”