Em discurso durante um encontro com portadores de deficiência hoje à tarde, no Rio, o candidato do PSDB à Presidência, José Serra, voltou a citar as denúncias de corrupção na Casa Civil. “Vocês viram o que está acontecendo agora, o escândalo na Casa Civil? É dinheiro retirado da Previdência, dos deficientes físicos, da Saúde, da Educação, que vai para o bolso de corruptos, de mensalões. Isso vai mudar”, disse Serra a uma plateia de cerca de duas mil pessoas em uma casa de shows na zona oeste da capital.

O candidato reiterou a promessa de, se eleito, criar um ministério específico para políticas para deficientes físicos. Ele estava acompanhado do candidato do PV ao governo estadual, Fernando Gabeira, apoiado pelo PSDB, e do ex-prefeito Cesar Maia (DEM), candidato ao Senado.