Integrantes da Frente Brasil Popular Paraná e da Frente Resistência Democrática protestam nesta quarta-feira (24) em Curitiba pela saída do presidente Michel Temer (PMDB), investigado por obstrução à Justiça, corrupção passiva e participação em organização criminosa. O ato, batizado de “Ocupa Curitiba, Diretas Já”, está marcado para ocorrer às 18 horas, na Praça Santos Andrade.

A iniciativa é semelhante ao protesto encabeçado por essas frentes em Brasília. A cidade recebe nesta quarta uma série de caravanas com militantes contrários às reformas trabalhista e da Previdência, apresentadas por Temer. A mobilização no Distrito Federal foi convocada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), centrais sindicais e movimentos sociais.

O último protesto contra o presidente em Curitiba, ocorrido no domingo (21), terminou em manifestação de apoio aos servidores municipais e contrária ao prefeito da capital, Rafael Greca (PMN), por causa do pacote de ajuste fiscal enviado por ele à Câmara de Vereadores.