O deputado federal Odair Cunha é “tecnicamente” o novo presidente do diretório mineiro do PT, apesar de a totalização dos votos do Processo de Eleição Direta (PED) do partido, realizado domingo, 10, ainda não ter sido totalmente encerrada. Segundo as apurações, não há possibilidade de Cunha ser superado pelos outros três participantes da disputa. O deputado já tinha 60,84% dos votos, contra 30,65% da secretária de Finanças do partido, Gleide Andrade, 7,54% do deputado estadual Rogério Correia e 0,97% do vereador Betão, de Juiz de Fora, na Zona da Mata.

Odair Cunha tinha o apoio do ministro Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) e do atual presidente do diretório petista de Minas, o também deputado federal Reginaldo Lopes.

Está marcada para esta terça-feira, 12, entrevista do atual mandatário da legenda e de seu sucessor. Cunha terá a missão de organizar o partido para tentar levar a legenda pela primeira vez ao governo de Minas. O nome mais cotado para a disputa é o de Pimentel.