O senador Osmar Dias (PDT) se reúne hoje em Brasília com o presidente nacional do partido, Leonel Brizola, para cobrar uma posição sobre o futuro do partido no Paraná e em relação ao governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Osmar será o porta-voz da preocupação de um setor do partido no Estado, que pressiona por uma reestruturação dos diretórios municipais e defende a realização de convenção estadual.

Conforme o senador, o PDT paranaense está “sem perspectivas” e precisa ser “oxigenado”. Do resultado da conversa com Brizola, depende a permanência do senador e de seu grupo no partido.

No Paraná, o sucessivo adiamento da convenção estadual desde o início do ano tem deixado os deputados e o senador preocupados com a organização do partido para 2004. “Faz seis meses que nós estamos pedindo a convenção. Parece que o PDT não quer crescer. Até parece que não existe um calendário eleitoral no País”, afirmou.