O PPS do Paraná dissolveu 121 diretórios e comissões provisórias nesta segunda-feira (04). A dissolução foi aprovada por unanimidade em reunião do diretório estadual, após a Coordenação Eleitoral Estadual e a Coordenação da Escola de Formação Política Dr. Luiz Felipe Haj Mussi indicar os diretórios que não apresentaram pré-candidatos a vereador, prefeito e vice-prefeito nos cursos regulares de 2012, realizados em todas as regiões do estado.

“A decisão do partido obedece a resolução do diretório nacional que considera obrigatório, em todo o país, a realização do Curso de Formação Política a todos os pré-candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador às eleições de 2012 (Resolução Eleitoral Nacional 001/12)”, afirma Rubico Camargo, secretário-geral e membro da coordenação eleitoral.

Antes de tomar tal atitude, o PPS encaminhou ofício aos diretórios estabelecendo 05 dias de prazo para manifestação e justificativa dos presidentes. “Quando os diretórios não apresentam nenhum candidato temos uma situação grave. Não há razão para a direção continuar nas mãos de quem não trabalha para o partido”, afirma Dr. Tobias de Santana, coordenador da Escola Dr. Luiz Felipe Haj Mussi.

Aos diretórios que apresentaram quantidade reduzida de pré-candidatos, o PPS do Paraná enviará novo ofício solicitando justificativa. A medida também foi aprovada em reunião do diretório estadual realizada no dia 04 de junho.