Um levantamento realizado pelo Instituto Paraná Pesquisas mostra que 57,6% dos curitibanos aprovam a gestão do prefeito Rafael Greca (PMN). A aprovação é a mais alta entre os três levantamentos que foram feitos desde que ele assumiu a gestão municipal. Esta foi a primeira vez que o prefeito consegui uma taxa de aprovação superior à de desaprovação.

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

Os números foram revelados pelo Instituto Paraná Pesquisas, que entrevistou 904 eleitores curitibanos entre os dias 16 e 20 de março. A margem de erro é de 3,5 pontos porcentuais.

Outro número positivo para o prefeito é que 43,1% dos eleitores avaliam sua gestão ótima ou boa, enquanto 27,7% a consideram ruim ou péssima. Também 27,1% qualificam a atual gestão como regular.

pesquisa-greca1pesquisa-greca2

Fonte: Paraná Pesquisas Metologia: Pesquisa realizada pelo Instituto Paraná Pesquisas com 904 eleitores entre os dias 16 e 20 de março de 2019. Grau de confiança de 95% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 3,5 p.p. para os resultados gerais.

+Leia mais: Disputa para a prefeitura de Curitiba em 2020 tem quatro nomes! Veja!

A estratégia adotada pela prefeitura

A melhora na avaliação de Greca parece coincidir com a estratégia adotada pela prefeitura. Em 2017, logo após assumir o comando do Executivo municipal, o prefeito implantou medidas amargas, entre elas a elevação em 15% da tarifa do transporte coletivo e a aprovação do pacote de ajuste fiscal que congelou o salário dos servidores e aumentou tributos.

O discurso oficial sempre foi de que essas ações eram inevitáveis para garantir a manutenção dos serviços públicos e o investimento para corrigir problemas da cidade.

Michel Temer é preso em São Paulo por força-tarefa da Operação Lava Jato