O presidente do PPS de Londrina, Ronan Botelho, distribuiu nota ontem pedindo desculpas pelo apoio que seu partido deu a Barbosa Neto (PDT) no primeiro turno das eleições municipais.

Apesar de o candidato pertencer a um partido aliado, o PPS não engoliu a declaração de apoio de Barbosa a Antonio Belinati (PP) no segundo turno. “Foi só no 2.º turno que reconhecemos com quais mãos e quais atitudes Londrina seria administrada”, diz a nota.