Um grupo de aproximadamente 200 pessoas faz, na tarde desta quarta-feira, 17, uma manifestação em frente ao Palácio do Planalto, interrompendo o trânsito no local. Eles pedem reajuste salarial e plano de carreira para os servidores do Judiciário, reclamam dos juros altos e do ajuste fiscal. Em uma das várias faixas carregadas pelos manifestantes, há os seguintes dizeres: “Pedalar no orçamento do Judiciário é crime! Fora Dilma”. Em outra faixa está escrito: “Dilma, servidores do Judiciário exigem respeito”. A presidente Dilma Rousseff está no Palácio.

A Polícia Militar faz um cordão de isolamento em frente ao Palácio. Com fogos de artifício, cornetas e um sistema de som, os manifestantes promete que não vão sair do local. De vez em quando, entoam gritos como “Servidores na rua; Dilma a culpa é sua” e “Se você quer fazer ajuste fiscal, corte seus ministérios”.