O líder do PSDB na Câmara, Ricardo Tripoli (SP), disse que vai esperar até “o último minuto” para decidir se vai destituir ou não o deputado Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Tripoli enviou emissários para pressionar Bonifácio a desistir da relatoria da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer, mas o deputado disse que não pretende sair.

A bancada tucana se reuniu na tarde desta terça-feira, 3, para tentar um acordo, mas até a conclusão desta edição não havia decisão. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.