Após deixar o governo estadual para disputar uma vaga ao senado, Beto Richa (PSDB-PR) estaria com um problema com sua sucessora, a governadora Cida Borghetti (PP), que concorre à reeleição ao cargo nas próximas eleições. Segundo o blog Caixa Zero, da Gazeta do Povo, o ex-governador estaria descontente com Cida, a ponto de um rompimento de relações estar sendo cogitado.

Em abril, Richa entregou o comando da administração estadual para Cida e deixou no ar um possível acordo de apoio, afirmando que seria sua “tendência natural” sair na mesma chapa dela, como candidato a senador.

Porém, Cida e seu marido, Ricardo Barros, não estariam sendo ‘parceiros‘ e estariam preocupados apenas com a eleição para o governo, isolando os concorrentes ao senado, na visão dos partidários de Richa. Além disso, fizeram uma limpa nos aliados de Beto que haviam restado no governo. Também houve algum desencontro no discurso sobre o aumento ao funcionalismo público.

Outro ponto de descontentamento de Richa é que, quando assumiu, Cida fez propaganda sobre a luta contra a corrupção, o que teria dado a entender que essa não era uma prioridade do governo Richa.

Mais informações no Blog Caixa Zero.

Deputado federal envolvido em briga de trânsito está com a CNH suspensa