Servidores da Justiça Federal no Rio de Janeiro promovem, desde as 15 horas desta segunda-feira, 17, um protesto contra o veto da presidente Dilma Rousseff (PT) ao projeto de lei aprovado pelo Senado que concedia reajuste de 53% a 78,56% aos funcionários do Poder Judiciário no âmbito federal. O grupo espera que o veto seja derrubado, o que restabeleceria o reajuste.

Cerca de 1.000 pessoas, segundo a PM, se reuniram nas imediações da igreja da Candelária, no centro, e, por volta das 16 horas, seguiram em caminhada até a sede do Tribunal Regional do Trabalho, na avenida Presidente Antônio Carlos. O grupo seguiu pela Avenida Rio Branco, que foi parcialmente interditada, depois pela Rua Santa Luzia e finalmente chegou à Avenida Presidente Antônio Carlos.

Ao longo do trajeto, o grupo foi acompanhado por agentes de trânsito e policiais militares. Até as 16h40 não havia registro de tumulto.