Cerca de 58% dos processos de prestação de contas feitas pelas prefeituras do Paraná, no exercício de 2001, não foram aprovadas pelo Tribunal de Contas. Isso demonstra que muitos agentes públicos ainda cometem equívocos na realização de procedimentos administrativos, na maioria das vezes, por falta de informação. Com o objetivo de repassar essas informações, o Tribunal de Contas do Paraná está promovendo o seminário “Cenários de Administração Pública – Uma Visão Estratégica”.

O evento – que começou ontem e continua hoje o dia inteiro no Centro de Convenções de Curitiba – contou na abertura das atividades com as presenças, entre outros, do presidente do TC, conselheiro Henrique Naigeboren, do governador em exercício, Orlando Pessuti, do presidente da Assembléia Legislativa, Hermas Brandão, do prefeito de Curitiba, Cássio Taniguchi, e do presidente da Câmara de Vereadores, João Cláudio Derosso. Cerca de setecentas pessoas estão acompanhando o seminário, entre prefeitos, vereadores e representantes de órgãos públicos de todo o Estado.

De acordo com o presidente do TC, Henrique Naigeboren, durante o evento serão repassadas orientações aos agentes públicos de como proceder corretamente nas aplicações, para não cometer equívocos, visando inclusive a entrega de mandatos nos municípios no próximo ano.