Enquanto debatem o melhor momento de entrar com um pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, deputados do PSDB decidiram convocar seus seguidores nas redes sociais para um panelaço na noite desta terça-feira, 5, durante o programa de TV do PT, que vai ao ar às 20h30 em cadeia nacional.

A iniciativa foi deputado Bruno Araújo (PE), líder da minoria. Embora não conte com a chancela oficial da legenda, o protesto recebeu adesão das bancadas do PSDB e do DEM. “Nossa avaliação é que o panelaço de hoje será maior do que o feito no pronunciamento feito por Dilma no dia 8 de março”, diz o senador Álvaro Dias (PSDB-PR).

O movimento do panelaço começou nas redes sociais com posts nas páginas de grupos anti-Dilma como Vem pra Rua, Revoltados Online e Movimento Brasil Livre. Responsáveis pela mobilização das manifestações de março e abril em todo País, os movimentos decidiram mudar de estratégia e não planejam promover novos eventos de rua nos próximos meses. A ideia agora é focar a ação no Congresso Nacional e em atos pontuais.