O tráfego na Ponte da Amizade, que une Brasil e Paraguai, foi normal na manhã de hoje. Pedestres e veículos de todos os tipos não tiveram dificuldades. Diferente de ontem, quando houve muito protesto que acabou em tumulto e a necessidade de intervenção da polícia, que utilizou balas de borracha. Os protestos vêm se realizando há pouco mais de uma semana, depois que a Receita Federal intensificou a fiscalização e começou a reter veículos paraguaios utilizados para transportar mercadorias na ponte. A Receita alega que as mercadorias não obedecem à legislação brasileira.