Neste carnaval e durante a Operação Verão em todo o litoral, a Polícia Militar estará realizando a revistas pessoais, quando se fizer necessário para que a segurança dos veranistas esteja garantida. Durante a revista, conhecida popularmente como "geral", o policial militar seguirá padrões internacionais de abordagem. "Não queremos que as pessoas se sintam constrangidas por ter que passar por este procedimento. É a forma mais eficiente para se encontrar armas, drogas e pessoas procuradas pela Justiça", explicou o capitão Adonis Nobor Furuushi.

Na hora da revista pessoal, o policial militar irá indicar o que a pessoa deve fazer, como entregar os documentos e deixar que seja realizada a busca pessoal. A busca pessoal em mulher será feita por policiais femininas. "A pessoa deve prestar atenção aos comandos do policial. O mais comum é que sejam colocados de frente para uma parede. Em último caso, deverão colocar as mãos na cabeça e aguardar o final da revista", detalhou o capitão Adonis. "Para isso o policial não precisará usar a arma, o que ocorrerá só em último caso", completou.

Documentos

A orientação da Polícia Militar é que, ao sair de casa, a pessoa não esqueça de levar os documentos pessoais. No caso das crianças é importante colocar no bolso uma anotação com o nome dos pais ou responsáveis e um telefone de contato. "Estando com o documento, não haverá demora na verificação dos dados. Caso contrário, a pessoa pode até mesmo ter que ser encaminhada ao posto policial mais próximo até que a ocorrência seja esclarecida", disse o oficial. Ele lembrou, ainda, que a colaboração da comunidade é importante para a segurança de todos.