O prefeito eleito de Piên, cidade da região metropolitana de Curitiba, José Loir Dreveck (PMDB), morreu na tarde deste sábado (17). Ele foi baleado na manhã de quarta-feira (14) quando seguia para Santa Catarina com a esposa e as duas filhas, ficou hospitalizado no município de Jaraguá do Sul, mas não resistiu.

De acordo com a Prefeitura de Piên, os médicos que acompanhavam o caso de Loir atestaram morte encefálica por volta das 15h, não havendo mais possibilidades de recuperação. Por isso, o prefeito em exercício Gilberto Dranka decretou luto oficial de cinco dias na cidade.

A esposa do político, Patricia Dreveck, também se manifestou a respeito da morte do marido em sua página pessoal no Facebook. “Foi uma multidão de pessoas amigas rezando pelo Loir e por todos nós da família. E agora é com o coração sangrando que informo que o meu Loir Dreveck, o nosso prefeito já se encontra na presença de Jesus. Tenhamos muita força nestas próximas horas que vamos dar o nosso adeus a ele”, escreveu.

O crime

Segundo a Prefeitura do município, Loir sofreu o atentado quando fazia uma viagem para Itajaí, onde resolveria alguns problemas de documentação. “Quase na divisa entre os municípios de Piên e Campo Alegre, um motoqueiro, ainda não identificado pelas autoridades policiais, alvejou o carro em que Loir se deslocava com quatro tiros. Dois deles feriram gravemente o prefeito na cabeça”, informou em nota.

A vítima foi atendida inicialmente no Hospital Sagrada Família, em São Bento do Sul, e logo depois foi transferida para o Hospital São José na cidade de Jaraguá do Sul para a realização de uma cirurgia. No entanto, não resistiu aos ferimentos e deixa a esposa e duas filhas.

Carreira Política

O prefeito eleito atuou como secretário de administração da Prefeitura de Piên entre 1997 e 2000, quando concorreu como vice de Francisco Marques e venceu, conduzindo o município até 2008. Em 2009, Loir aceitou o cargo de secretária de planejamento, no qual permaneceu até 2016 para candidatar-se a prefeito. 

O prefeito Gilberto lamenta o falecimento de seu sucessor e deixa seus sentimentos à família. “Ele foi uma pessoa da paz e sempre de bons conselhos, alguns deles carrego comigo até hoje. Sem dúvidas é uma grande perda para nosso município, toda a cidade está desolada e torcemos para que logo descubram quem foi o autor desta barbárie. Minhas condolências à toda a família de nosso amigo Loir Dreveck”.