O presidente regional do PT no Distrito Federal, Vilmar Lacerda, e o vice-presidente, Raimundo Ferreira da Silva Júnior, prestam depoimento amanhã à Polícia Federal em Brasília. Os dois aparecem na lista entregue pelo empresário Marcos Valério à Comissão Parlamente Mista de Inquérito dos Correios.

O documento contém os nomes supostamente indicados pelo PT que receberam recursos emprestados pelas empresas de Valério, DNA e SMP&B. De acordo com a lista, Raimundo teria sacado R$ 370 mil, em três diferentes ocasiões em 2004. Já Vilmar teria sacado R$ 235 mil, em cinco saques realizados em 2003. Já pela lista entregue por Simone Vasconcelos, funcionária da SMP&B, Raimundo teria feito um único saque no valor de R$ 100 mil e Vilmar a mesma quantia da lista de Marcos Valério.