Os presidentes de partidos políticos estarão às 17 horas com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Nelson Jobim. Segundo o presidente do PSDB, Tasso Jereissati, o objetivo do encontro é pedir pressa na definição das regras eleitorais, principalmente em relação à verticalização partidária (regra que obriga os partidos a repetirem nos estados a coligação para a eleição presidencial) "Não é possível estar às vésperas das eleições sem saber quais são as regras do jogo. É preciso que isso seja definido rapidamente", afirmou.

O fim da verticalização foi aprovado pelo Congresso Nacional, mas o Tribunal Superior Eleitoral alega o princípio da anualidade para não aceitar a mudança da regra nas eleições deste ano. Segundo Tasso, assim que for promulgada a emenda constitucional sobre o fim da verticalização é preciso que o STF se pronuncie rapidamente.