O plenário do Senado aprovou hoje projeto de lei da Comissão Mista de Segurança que autoriza juízes a interrogarem presos considerados perigosos dentro dos presídios. O texto aprovado também determina que o silêncio do acusado, durante o interrogatório, não poderá prejudicar sua defesa. Atualmente, o Código Penal permite ao réu não responder a perguntas formuladas pelo juiz, mas determina que o silêncio trará prejuízos para a defesa.