As direções municipais do PT e do PMDB confirmaram hoje a data de 24 de abril para a reunião conjunta dos dois partidos que vai selar a aliança entre as duas legendas para a disputa da Prefeitura de Curitiba nas eleições de outubro. O encontro vai ser no restaurante Madalosso, em Santa Felicidade e pretende servir de orientação definitiva para os filiados sobre a estratégia eleitoral definida pela maioria.

O presidente do diretório municipal do PMDB, Doatico Santos, reforça que a convenção antecipada não fere os dispositivos eleitorais que estabelecem o período entre 10 e 30 de junho para as convenções municipais que homologarão as candidaturas. Trata-se, segundo ele, da oficialização da postura majoritária entre os peemedebistas, que será confirmada depois, em conformidade com o rito legal, na convenção marcada para 12 de junho.

O diretório do PMDB de Curitiba continua preferindo ignorar o movimento de uma ala rebelde do partido, defensora da candidatura própria no primeiro turno, que tem como principais líderes os deputados Gustavo Fruet e Rafael Greca.