O Paraná iniciou na segunda-feira (18) a vacinação contra a covid-19, assim que recebeu as doses disponibilizadas pelo Ministério da Saúde. Porém, como ainda não há imunizantes suficientes disponíveis no mercado mundial, a campanha completa de imunização será escalonada, priorizando os grupos que são mais suscetíveis à doença. Quem será vacinado primeiro?

+Leia mais! Vacinação em Curitiba: veja quem receberá as doses antes e em que grupo você deve estar

Assim como aconteceu no início da pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2), muitas dúvidas surgem nesse processo. As questões a seguir, respondidas com base no Plano Estadual de Vacinação, da Secretaria de Estado da Saúde, e no Informe Técnico do Ministério da Saúde sobre a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Covid-19, traz esclarecimentos sobre o calendário, grupos prioritários, quem pode ou não tomar a vacina e outras questões relacionadas à vacinação.

Quem será vacinado primeiro?

Como ainda não há doses suficientes para atender toda a população que será imunizada, a vacinação será feita de forma gradual. O Plano Estadual de Vacinação definiu alguns critérios para os grupos prioritários, que incluem os riscos de exposição à doença, de desenvolver formas graves, de transmissibilidade e a dificuldade de acesso aos serviços de saúde. Neste primeiro momento, estão sendo vacinados os trabalhadores de saúde, os idosos com 60 anos ou mais que vivem em asilos, casas de repouso e afins e seus funcionários, os indígenas e pessoas com deficiência severa, alcançando 126 mil pessoas. 

Veja mais perguntas frequentes sobre a campanha de vacinação

*A vacina é gratuita? Veja o tira dúvidas da vacina no Paraná