A Delegacia da Receita Federal de Maringá apreendeu 903 volumes de mercadorias importadas irregularmente, com valor total estimado de R$ 250 mil. São equipamentos de informática (incluindo impressoras), aparelhos de som, brinquedos, relógios e eletrônicos destinados à Grande São Paulo.

Um ônibus também foi apreendido na operação, com base na lei nº 10.833 e Intrução Normativa da Receita Federal nº 366/03, que obriga a identificação dos proprietários dos volumes transportados nos ?porta-embrulhos? desses veículos.

A instrução normativa editada no ano passado também determina que a identificação deverá ser realizada durante o embarque dos passageiros e ficar disponível para a fiscalização por todo o trajeto.

Segundo a Receita Federal em Brasília, durante a operação foram abordados três ônibus procedentes de Foz do Iguaçu, e fiscalizadas 60 pessoas.

A operação deflagrada no último final de semana foi a quinta realizada este ano e contou com a ajuda da Polícia Rodoviária Estadual do Paraná. Este ano já foram apreendidos sete ônibus do total de dez fiscalizados pelo mesmo tipo de irregularidade.