Brasília – A Receita Federal credita hoje (19) os valores do 1º lote residual de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física 2006, ano-base 2005. O crédito deveria ter sido feito no dia 15 deste mês, mas foi adiado devido a um erro no processamento de dados.

A Receita remarcou, então, o crédito para o dia 17, mas adiou mais uma vez  para hoje "porque o trabalho de cancelamento dos pagamentos indevidos e a programação dos depósitos corretos junto aos bancos revelou-se mais demorado".

No primeiro lote residual, foram liberadas 250.994 declarações que foram retidas na malha fina. Desse total, 116.381 têm imposto a restituir, correspondendo a quase R$ 200 milhões. O restante inclui contribuintes com imposto a pagar ou aqueles que não têm saldo a pagar ou a restituir.

O contribuinte que não solicitou crédito em conta-corrente pode procurar uma agência do Banco do Brasil ou ligar para o telefone 4004-0001 (nas capitais) ou 0800-729-0001 (nas demais localidades) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança em qualquer banco.  

Para saber se seu nome consta do primeiro lote residual, basta acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para o Receitafone: 0300-78-0300.

Segundo a Receita, foram retidas na malha fina 746.035 declarações em 2006.