O Zoológico Municipal de Curitiba festejará em dose dupla seus 25 anos, comemorados em 28 de março: o número de visitantes em janeiro deste ano foi 31% maior que o do mesmo período de 2004 e, nos últimos 11 meses, nasceram 161 animais, entre eles os leões Nala, Leona e Leo.

Em janeiro de 2007 entraram no parque 72.889 pessoas. No mesmo mês de 2004, 2005 e 2006, respectivamente, foram 55.500, 59.751 e 66.617. "O crescimento é resultado dos investimentos feitos pela Prefeitura na revitalização do Zoológico", afirma o secretário municipal do Meio Ambiente, José Antonio Andreguetto.

Em 2006 a Prefeitura de Curitiba construiu novo Portal, guarita, nova cozinha para o preparo dos alimentos dos animais, dois novos blocos de sanitários e um fraldário no Zoológico. As obras eram as maiores solicitações das famílias visitantes. Antes, o zôo contava com apenas um conjunto de sanitários. Os novos banheiros, adaptados para o uso de portadores de deficiência física, ficam em pontos estratégicos do parque, na entrada e próximos à administração. Além dos banheiros, o Zoológico ganhou também um portal com guarita, equipado com catracas de controle de entrada, o que reduz os congestionamentos na porta do parque.

Baby boom

Dos 161 nascimentos de aves, mamíferos e répteis ocorridos no acervo do Zôo, 36 foram entre janeiro e fevereiro deste ano. Na lista de nascimentos estão animais brasileiros ameaçados de extinção, como o mico-de-cheiro e o papagaio-do-peito-roxo.

Os nascimentos, em setembro de 2006, dos leões Leo, Leona e Nala também foram muito comemorados pelos funcionários. A jibóia do Passeio Público, que faz parte do acervo de animais do Zôo, também teve sucesso na reprodução, depois de 12 anos de tentativas frustradas.

Outra novidade que chegou ao Zôo de Curitiba são os ursos-de-óculos. Os animais desembarcaram em Curitiba no fim do ano passado, vindos do Zoológico de São Carlos (SP). Os novos moradores supriram a falta de ursos no Zôo de Curitiba. Logo que chegaram os ursos já entraram na lista dos animais mais procurados pelos visitantes.

25 anos de Zôo

O Zoológico Municipal ocupa 530 mil metros quadrados do Parque Municipal do Iguaçu e abriga grandes animais de diferentes regiões do mundo.

Além de propiciar condições de reprodução para animais nativos, o Zôo de Curitiba também serve de porto seguro para aves migratórias, como o raro mergulhão-de-orelha, que todos os anos vêm da Patagônia buscar calor e alimento nas cavas do parque.

O atual plantel (Zôo e Passeio Público) é de 2.300 animais. No Zôo, convivem mais de 80 espécies com todas as condições de preservação, num habitat muito próximo do natural. Os bichos mais procurados: leões e felinos em geral, hipopótamo, girafa e chimpanzé.