Brasília – O relator da medida provisória que proíbe o funcionamento das casas de bingo e das máquinas de caça-níqueis, deputado Roberto Magalhães (PTB-PE), decidiu manter a maior parte do texto encaminhado pelo governo. Ele informou que o relatório ficou pronto ontem pela manhã e contém pequenas alterações em relação ao texto original. “Ajustes do ponto de vista jurídico e técnico. Nada que amplie ou restrinja o objeto da medida provisória.” Para elaborar o relatório, Magalhães reuniu-se com representantes das casas de bingo e dos trabalhadores do setor, consultou o Ministério Público e a Caixa.