Além da fraca campanha no Estadual do Rio, o Fluminense terá de lidar com outro problema. O zagueiro Renato Silva, de 25 anos, foi pego no exame antidoping pelo uso de maconha na partida contra o Volta Redonda, realizada no dia 28 de janeiro, pela segunda rodada da Taça Guanabara.

Na última quarta-feira, o jogador realizou um exame de contraprova, no qual foi encontrado THC (tetrahidrocanabinol) em seu organismo, que é a substância química da maconha.

"Fico triste pelo que aconteceu", contou o atacante André Dias em entrevista à Rede Globo. "Ele era meu parceiro de quarto. Agora, vamos aguardar ele esfriar a cabeça, que com certeza deve estar a mil.

Imediatamente, a diretoria do Fluminense afastou Renato Silva dos treinos. No entanto, uma decisão sobre o futuro do zagueiro ainda não foi tomada. Seu contrato, que vai até o final de 2008, deve ser rescindido.

Caso seja punido, o jogador, que deixou o Flamengo ao final do ano passado, pode pegar até dois anos de suspensão.