Depois de percorrer os municípios de Guaratuba, no litoral, e Tijucas do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, os mais afetados pela chuva de granizo que atingiu o Paraná no fim de semana, o governador Roberto Requião anunciou nesta segunda-feira (25) à tarde a compra, em caráter de urgência, de 36 mil telhas para atender os moradores mais carentes.

O primeiro lote com 10 mil telhas será entregue nesta terça-feira (26) e os demais estarão à disposição das vitimas na quarta-feira (27). ?É a maior compra de telhas e lonas feita pelo Governo do Estado em tempos de calamidade pública?, declarou o governador, ao comunicar a ajuda para os municípios atingidos.

Para o prefeito de Guaratuba, Miguel Jamur, a solidariedade do governo do Estado ?chega em boa hora, porque muitos moradores não teriam como cobrir suas casas e a prefeitura, sozinha, não dispõe de recursos para a compra deste grande volume de telas e lonas?, disse.

Uma equipe com mais de 200 pessoas formada pela Defesa Civil percorreu os bairros de Mirim, Piçarras, Carvoeiro e Vila Esperança, contabilizando os estragos da chuva de granizo e socorrendo as vitimas. Das 3.130 casas cadastradas, a maioria de veranistas, 700 serão consertadas com a ajuda do Governo do Estado, porque pertencem a moradores de baixa renda familiar. Em Tijucas do Sul, foram danificadas 365 residências. A maioria terá ajuda oficial.

Lonas

Ao todo, a Defesa Civil havia distribuído até o final da tarde desta segunda-feira (25) 289 bobinas de lonas plásticas, cada uma com 400 m2, para cobrir as casas destelhadas, além de 300 cobertores, 25 colchões e 250 cestas básicas doadas pelo Provopar Ação Social.

?Estamos atuando para identificar as reais necessidades da população atingida pela chuva?, declarou o tenente Gilson de Mattos, chefe da seção operacional da Defesa Civil do Estado, depois de quatro dias de intenso trabalho no socorro às vitimas.