O governador Roberto Requião propôs o engajamento de toda a sociedade brasileira para, numa corrente de solidariedade, lutar contra o avanço do câncer infantil, considerada uma das principais causas de morte de crianças no país. A declaração foi feita na última quarta-feira (23) à noite, no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba, durante a solenidade de lançamento do Dia de Combate ao Câncer Infantil, promovido pela APACN ? Associação Paranaense de Apoio à Criança com Neoplasia, com o apoio do Provopar Ação Social e da Itaipu Binacional, entre outros.

?Esta é uma das causas mais belas que tenho assistido nos últimos tempos. A evolução da medicina em relação ao câncer infantil tem mostrado resultados excelentes. Cada dia que passa cresce a possibilidade de que toda criança afetada pelo câncer tenha cura. Basta ter a oportunidade de tratamento. A APACN está fazendo exatamente esse trabalho e, para tanto, espera contar com o apoio da sociedade paranaense. Esse é um dia que me deixa excessivamente satisfeito em poder ver tanta solidariedade em torno de uma causa tão bonita?, disse Requião.

O governador fez questão de destacar que o movimento, cujo objetivo é levantar recursos para a ampliação do Ambulatório Menino Jesus de Praga, responsável pelo tratamento das crianças com neoplasia, conta com total apoio do Governo do Estado. ?O problema é sério, sensibiliza todas as pessoas sensíveis, mas tenho certeza que a APACN vai conseguir aportar os recursos necessários para a ampliação do ambulatório e o tratamento de nossas crianças. A sociedade civil se mobiliza, mas o que faltar fica por conta do Governo?, reforçou.