O lateral-esquerdo Roberto Carlos foi suspenso por três partidas por tentar agredir o árbitro israelense Alon Yefet, após sua expulsão no amistoso da Seleção Brasileira contra Portugal, no dia 29 de março.  A decisão foi tomada pelo Comitê Disciplinar da FIFA, em Zurique, em audiência realizada hoje. Além da suspensão, que é válida apenas para as partidas da Seleção Brasileira, o jogador foi penalizado com uma multa de 8.700 dólares (cerca de 26 mil reais).