Foto por: Javier Soriano

O atacante do Santos Robinho confirmou nesta segunda-feira, em Johannesburgo, que é mesmo o carrasco do Chile, com um gol na vitória por 3 a 0 pelas oitavas de final da Copa, com o qual também igualou a marca do Rei Pelé de gols marcados sobre os chilenos.

O “Rei das Pedaladas” marcou aos 14 do segundo tempo o terceiro gol brasileiro na vitória por 3 a 0 sobre o Chile no estádio Ellis Park, com a qual o Brasil garantiu a passagem às quartas de final para enfrentar a Holanda.

Na “era Dunga”, iniciada em 2006, Robinho é o segundo artilheiro do Brasil, com 20 gols, dois a menos que Luis Fabiano, e nesse ciclo o atacante do Santos fez 7 gols nos últimos 6 jogos contra o Chile.

Contando com um gol marcado em outro jogo antes de Dunga assumir, já soma 8 gols, igualando assim a marca do ídolo Pelé contra os chilenos.

Por sua vez, Luis Fabiano (Sevilla) manteve 100% de efetividade na rede contra os chilenos, já que marcou cinco gols em quatro partidas (três vitórias e um empate).

Seu primeiro gol foi em junho de 2004, pelas eliminatórias da Copa da Alemanha-2006, e o último foi nesta segunda-feira, aos 38 minutos da partida em Johannesburgo.

As estatísticas do confronto são amplamente favoráveis ao Brasil, já que em 66 jogos na história, a seleção venceu 47, contra 7 do Chile e 12 empates.