O atacante Romário alcançou a marca de 949 gols na carreira, com os dois que ele marcou hoje no empate do Vasco, em 2 a 2, com o Angra dos Reis, da 2ª Divisão do Rio de Janeiro. O amistoso, disputado à tarde em São Januário, foi o terceiro do Projeto Mil Gols, organizado este ano pelo Vasco para ajudar o veterano jogador a conseguir a marca histórica – agora faltam 51.

Em seis jogos este ano, sendo três pelo Campeonato Carioca, Romário já marcou 8 gols. Dos dois de hoje, o primeiro, de letra, "foi um dos três mais bonitos da minha carreira", revelou o atacante. No primeiro gol, o juiz inventou um pênalti para Romário cobrar. Na segunda-feira, Romário terá outra chance para fazer mais gols fáceis, pois o adversário será o Sagrado Esperança, time campeão nacional de Angola em 2005.

Em entrevista coletiva depois do amistoso de hoje, o atacante disse concordar com o projeto criado pelo Vasco para ajudá-lo e revelou seu desejo de marcar o milésimo gol no Maracanã. Ele ainda admitiu que, após largar o futebol – completará 40 anos neste domingo – pensa em ingressar na política. "Mais para poder organizar projetos assistenciais para crianças carentes", prometeu. Romário já é filiado ao PP, partido do presidente do Vasco, Eurico Miranda.