Com dois gols do atacante brasileiro Ronaldo, o Real Madrid empatou nesta quarta-feira (6) com o Dynamo de Kiev por 2 a 2, fora de casa, no Estádio Olyimpiyskiy, pela última rodada do Grupo E da Liga dos Campeões da Europa. O camisa 9 iniciou a partida como titular para ganhar ritmo, uma vez que os espanhóis jogaram sem vários titulares por já estarem classificados à oitava-de-final.

Com o resultado, a equipe comandada pelo treinador Fabio Capello manteve-se na segunda colocação da chave com 11 pontos, três a menos que o líder Lyon, que empatou com o Steaua Bucareste por 1 a 1. O Dynamo, que mandou a campo os defensores brasileiros Rodrigo e Rodolfo, já estava eliminado e terminou na lanterna (2). O sorteio dos confrontos da próxima fase acontece no dia 15 em Nyon (Suíça).

Buscando a primeira vitória na competição continental, os ucranianos começaram a partida pressionando e saíram na frente logo aos 14 minutos do primeiro tempo. Após cruzamento da direita de Valentin Belkevich, o atacante Maksim Shatskikh se antecipou à marcação e desviou, de primeira, para o fundo das redes.

Os donos da casa voltaram a marcar aos 27, quando Shatskikh tabelou com Artem Milevskiy, recebeu na marca do pênalti e chutou em cima do goleiro Diego López, que substitui o titular Iker Casillas. Na rebote, a bola bateu na coxa do próprio camisa 16, que fez o seu segundo tento na partida.

O Real começou a reação apenas aos 41 minutos da etapa final. Após escanteio cobrado por David Beckham, Javi Garcia desviou de cabeça e a bola ficou com o Ronaldo, que chutou forte para marcar. Dois minutos depois, o avante brasileiro voltou a fazer ao converter uma cobrança de pênalti, que ele mesmo havia sofrido. Esses foram os primeiros tentos do atacante nesta edição da Liga.

Em outro jogo do Grupo E, o Lyon, que também poupou diversos jogadores, entre eles o meia brasileiro Juninho Pernambucano e o zagueiro Cris, empatou com o romeno Steaua Bucareste por 1 a 1, no Estádio Gerland, na França.

A equipe francesa, que não havia sofrido nenhum gol no torneio em casa, iniciou a partida atrás no marcador. Logo aos 2 minutos o meia romeno Nicolae Dica pegou passe de Sorin Paraschiv para bater o guarda-metas Grégory Coupet. O Lyon, no entanto, chegou ao empate dez minutos depois, quando o meia Alou Diarra desviou uma cobrança de escanteio para deixar tudo igual.

Liderança inglesa

Na luta pela primeira colocação do Grupo G, o Arsenal empatou sem gols com o Porto, fora de casa, no Estádio do Dragão, e confirmou a primeira colocação com 11 pontos, mesma pontuação que os rivais – o time inglês ficou na frente por causa do critério de desempate.

O resultado classificou os britânicos e os lusitanos à próxima fase. No outro jogo da chave, o CSKA, dos brasileiro Daniel Carvalho e Dudu Cearense, desperdiçou a oportunidade de seguir na Liga dos Campeões ao perder, de virada, para o lanterna Hamburgo por 3 a 2, na Alemanha.

Os russos, que ficaram em terceiro (8), anotaram com Ivica Olic e Yuri Zhirkov, enquanto que os germânicos fizeram com Besart Berisha, Rafael van der Vaart e Boubacar Sanogo.