São Paulo – O ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, disse ontem (24) à noite que a Rússia deve liberar as importações de carne brasileira ao longo do mês de fevereiro. A declaração foi dada durante evento da Associação Brasileira de Criadores de Suínos (ABCS), em São Paulo. O embargo deverá se restringir apenas à carne do Paraná e Mato Grosso do Sul

Rodrigues conversou com o secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Luís Carlos Guedes Pinto, que está em Moscou negociando a reabertura do mercado russo. Guedes afirmou ao ministro que o comércio de carne entre os dois países será retomado no mês que vem

Em reunião realizada com o diretor do Serviço de Supervisão Veterinária e Fitossanitária da Rússia, Serguei Dankvert, na segunda-feira, Guedes sugeriu que o país mantivesse apenas as restrições impostas às importações de carnes de Mato Grosso do Sul e Paraná, onde os focos de aftosa foram encontrados em dezembro do ano passado. Além dos dois Estados, o governo russo restringiu as importações de carne do Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Goiás, São Paulo e Minas Gerais, que só podem exportar para a Rússia carnes de aves.