O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, escapou por pouco de um ataque hoje contra a Zona Verde de Bagdá, uma área fortemente protegida da cidade.

No momento da explosão, o sul-coreano conversava com jornalistas ao lado do primeiro-ministro do Iraque, Nouri al-Maliki. Ban agachou-se atrás do palanque onde concedia a entrevista. O estrondo levantou poeira e destroços no local.

Ban Ki-moon chegou a Bagdá para uma visita-surpresa e deverá ir embora ainda hoje, disseram assessores.