Braian Santana Cordeiro, 23 anos, autor confesso de um latrocínio (roubo com morte) em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), que tinha fugido da prisão, foi preso nesta quinta-feira (2). O rapaz, que disse ter matado Roger Cristopher da Silva Terto, ficou 14 dias foragido.

O suspeito do crime foi preso no dia 15 de fevereiro. Braian foi encontrado em menos de dez dias de investigação, numa feira cultural da cidade. Na época da prisão, ele deu detalhes do crime aos policiais.

Enquanto estava na carceragem da delegacia, Braian teria rompido uma das grades e escapou. Ele foi encontrado na casa de familiares em Matinhos, no litoral do Paraná, por uma equipe policial. Segundo o rapaz, depois que fugiu da delegacia ele contou que conseguiu chegar ao litoral pegando carona na estrada.

Em dez dias de investigação, a Polícia Civil encontrou o responsável pelo latrocínio cruel no município de Fazenda Rio Grande, Região Metropolitana de Curitiba, que vitimou Roger Cristopher da Silva Terto, 18 anos, vítima de no dia 6 de fevereiro.
Em dez dias de investigação, a Polícia Civil encontrou o responsável pelo latrocínio cruel no município de Fazenda Rio Grande, Região Metropolitana de Curitiba, que vitimou Roger Cristopher da Silva Terto, 18 anos, vítima de no dia 6 de fevereiro.