Dois assaltantes se deram mal ao tentar roubar um ônibus do transporte coletivo da Grande Curitiba, na tarde de sábado (24). O que eles não contavam é que escolheram justo um ônibus em que estava um policial civil voltando para casa. O policial reagiu e baleou os dois, que foram presos mais tarde no hospital.

O crime ocorreu por volta das 15h20, na Rua Comendador Franco (Avenida das Torres). Segundo o relato do investigador, lotado na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), os dois entraram no coletivo da linha Curitiba-São José e já apontaram uma arma para a cobradora, pedindo dinheiro.

O policial se identificou como tal e deu voz de prisão. Mas um dos ladrões apontou a arma para o investigador, que reagiu e atirou. Foram dois tiros, que acertaram ambos os marginais, que derrubaram a arma no chão e fugiram pela porta do meio, sem levar nada da cobradora. Depois da ação os policiais constaram que a dupla estava com um simulacro (arma de brinquedo).

Mais tarde, ambos os suspeitos foram detidos, um no Hospital Cajuru e outro no Hospital do Trabalhador, recebendo curativos. Ambos já tiveram alta do hospital. Um deles tem menos de 18 anos e foi encaminhado à Delegacia do Adolescente. O outro foi levado à DHPP.