Um homem que estava foragido há mais de 20 anos por praticar crimes de homicídio e estupro foi preso na terça-feira (17), em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. Mauro Braz de Almeida, 39 anos, assaltava uma casa, no Parque Embú, quando a Polícia Civil chegou e deu o flagrante. Já na Delegacia Central, ao checar os antecedentes criminais, os investigadores descobriram que Braz era procurado no Espírito Santo, seu estado de origem e onde ele cometeu os crimes. A prisão ocorreu por volta das 12h30.

+ Leia mais: Churrascaria fica completamente destruída após chuva de granizo na Grande Curitiba

Segundo o delegado Irineu Portes, o fugitivo teria dito que passou 20 anos evitando voltar para o Espírito Santo. “Ele conta que está há muito tempo no Paraná. Usa a identidade do Espírito Santo, não tem emprego fixo, sempre autônomo. Dessa forma, ele foi agindo para evitar ser preso. Além desses crimes mencionados, vamos investigar outros que ele possa ter cometido na região”, apontou Portes.

Mauro Braz foi apresentado na Delegacia Central de Colombo na tarde desta quinta-feira (19). Segundo a polícia, na residência que Braz assaltava foram encontradas joias e outros pertences já separados para serem carregados. O local estava bagunçado, com gavetas e armários abertos e o homem já estava pronto para fugir. Braz nega a informação.

+ Leia ainda: Falta de água pode atingir 27 bairros de Curitiba e região no domingo; veja a lista!

A prisão do foragido na residência ocorreu porque o adolescente que estava no local ouviu um barulho, avisou a sua mãe e ela foi direto na delegacia. Os policiais foram com a mulher até o endereço dela e avistaram Mauro Braz.

Agora, ele segue preso em Colombo e fica à disposição da Justiça para a transferência ao Espírito Santo.

Enquanto o Furacão ganhava e a chuva caía, deputados aprovam benesses a partidos políticos