Dois dos três presos que fugiram da Delegacia de Campo Largo na madrugada deste sábado (3) foram recapturados na manhã desta terça-feira (6). Para a fugir, eles fizeram um buraco na parede da cela, escalaram o muro e ganharam as ruas. Eles estavam escondidos em hotéis no Centro de Curitiba.

Segundo o superintendente Emir Silveira, o primeiro a voltar para a prisão foi o Jonathan Francisco, 27 anos, conhecido como “Cicatriz”. “Ele estava em um desses pequenos hotéis quando foi abordado pelos policiais, durante uma patrulha de rotina na madrugada”, explicou Emir.

De acordo com o investigador Edson Moisés Pagani, esse era o mais perigoso dos fugitivos, já que possui associação com facções criminosas e está preso por crimes que realizou no Paraná e em Santa Catarina. “Inclusive, foi preso lá e estava conosco esta semana porque participou de uma audiência referente ao processo que responde aqui”, comentou.

O segundo foragido que voltou para a prisão foi Erik Patrick de Andrade Gabardo, 20, detido por roubo. “Os policiais continuaram as abordagens no Centro e o encontraram em outro hotel da região”, informou o superintendente.

O único fugitivo que ainda está nas ruas é Romildo do Espírito Santo, 46. As denúncias a respeito de sua localização podem ser feitas anonimamente pelo telefone (41) 3291-6100 da Delegacia de Campo Largo ou pelo 190 da Polícia Militar.