Dois homens suspeitos de furtos e roubos em residências em Curitiba vão passar o Dia das Crianças “enjaulados”. É que eles foram presos por policiais militares da Rondas Ostensivas de Naturezas Especiais (Rone), com armas, coletes balísticos e outros materiais suspeitos e foram reconhecidos por vítimas de pelo menos quatro crimes.

+ Leia mais: Suspeitos de agredir homem com boné do MST são identificados pela polícia

Conforme o tenente Souza, da Rone, uma série de assaltos começaram a ocorrer em bairros na zona oeste de Curitiba, como São Braz, Santa Felicidade e Pilarzinho. Em vários deles, as vítimas relatavam que os criminosos estavam usando um Peugeot 208 branco. Algumas pessoas conseguiram até anotar a placa.

No final da manhã desta quinta-feira (11), uma equipe da Rone cruzou com o Peugeot no bairro Mossunguê. O motorista, que estava sozinho no carro foi abordado. No veículo havia vários objetos, sempre na quantidade de três, o que indica pelo menos três integrantes da “equipe” de furtos e roubos: coletes balísticos, camisetas falsas da Polícia Civil e de agentes penitenciários, fitas, algemas e lacres, luvas e balaclavas, além de duas pistolas, uma nove 9 milímetros e outra calibre 380.

+Leia mais: Imóvel de tradicional colégio de Curitiba é invadido e vira local de consumo de drogas

Os materiais, explica o tenente Souza, indicam que o suposto trio estaria cometendo assaltos E mantendo vitimas reféns. E os policiais constataram também que o Peugeot 208 estava com placas clonadas e que foi roubado no dia 21 de setembro no bairro Portão, em Curitiba.

‘Cagueta’

Veículo tinha placas clonadas e alerta de roubo. Foto: Laércio André/ Colaboração
Veículo tinha placas clonadas e alerta de roubo. Foto: Laércio André/ Colaboração

Assim que foi preso, o condutor do Peugeot delatou outro integrante do grupo. Assim, os policiais prenderam mais um rapaz no bairro Guarujá, em Colombo. Suspeita-se que o motorista estava indo buscar outros integrantes do bando para cometer novos assaltos.

Na Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) os policiais civis constataram pelo menos quatro boletins de ocorrência de roubos ou furtos a residências que constam a placa do Peugeot. Um dos presos já tinha antecedentes criminais.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Protesto fecha o Contorno Sul na véspera do feriado em Curitiba