Com dez passagens pela polícia, Edson Domingos Gariani, 55 anos, foi preso nesta terça-feira (06) como suspeito de praticar diversos crimes contra o patrimônio. A prisão aconteceu perto de uma clínica no Alto Boqueirão, em Curitiba, e foi divulgada na tarde desta quarta-feira (07) pela Polícia Civil.

De acordo com o delegado André Feltes, da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) de Curitiba, as investigações começaram há três meses com um inquérito que apurava um furto praticado em Ponta grossa no mês de setembro. “Conseguimos recuperar alguns bens e começamos a identificar quem seria o responsável pelo furto através das imagens que recebemos”, conta.

Foto: Átila Alberti
Foto: Átila Alberti

Além disso, durante as investigações a equipe verificou que o suspeito estaria envolvidos em outros crimes. “Ele já tinha furtos praticados no Paraná e em São Paulo. Posteriormente, também recebemos imagens de um furto praticado em um bar de Curitiba”, enumera o delegado, que conseguiu a prisão preventiva do suspeito a partir dessas informações.

Ainda segundo o delegado, o assaltante sempre agia da mesma forma durante a prática de seus furtos. “Ao perceber que a casa estava vazia, ele entrava no local abrindo as portas com uma chave micha, que ele possui habilidade, levando vários pertences dos locais”, explica.

Por isso, ele alerta a população para o cuidado com sua residência neste fim de ano. “Ao sair viajar, é importante contatar algum vizinho para notificar a polícia caso perceba uma movimentação estranha. Afinal, os criminosos aproveitam essa oportunidade para praticar crimes contra o patrimônio”, pontua.

Foto: Átila Alberti
Foto: Átila Alberti

Acesse o Painel do Crime, a mais nova fonte de informações sobre crimes em Curitiba e região