Um suspeito de assediar sexualmente uma passageira no expresso da linha Pinhais-Campo Comprido foi detido pela Guarda Municipal de Curitiba no início da tarde desta quarta-feira (13), em Curitiba – apenas cinco dias depois de outro caso semelhante ser registrado na cidade.

De acordo com a Secretaria Municipal de Defesa Social , uma equipe da guarda foi acionada pelo telefone 153. O suspeito, de 50 anos, foi detido no terminal do Capão da Imbuia, onde o ônibus aguardou até a chegada dos guardas.

O homem foi encaminhado à Delegacia da Mulher. Uma testemunha também compareceu para depor.

A ligação para o telefone 153 é a orientação da Secretaria Municipal de Defesa Social para denúncias de casos de assédio sexual em ônibus, que são frequentes.

Na última sexta-feira (8), uma mulher de 33 anos acusou um rapaz de ter apertado as nádegas dela dentro de um expresso da linha Santa Cândida-Capão Raso. O ônibus parou na Avenida Sete de Setembro e policiais militares detiveram o suspeito, que foi solto após assinar termo circunstanciado.