Um assalto a mão armada em uma livraria evangélica do Centro de Curitiba, nesta quarta-feira (4), terminou diferente do esperado. Em vez de ferir os funcionários e levar pertences da loja, o assaltante ganhou uma Bíblia de presente e desistiu do roubo.

De acordo com o funcionário Gerson de Lima, a tentativa de assalto foi ao meio-dia, quando um homem invadiu o comércio, na Rua Barão do Serro Azul, e anunciou o assalto.

“Ele entrou na loja dizendo que não queria fazer aquilo, mas iria nos assaltar porque tinha uma dívida de drogas de R$ 1.500,00 que precisava pagar hoje para continuar vivo. Ele levantou a camisa e mostrou uma arma na cintura. Eu e meu colega ficamos muito preocupados e não reagimos”, descreveu.

No entanto, ao perceberem que o assaltante se desculpava várias vezes e não sacava a arma, os funcionários decidiram conversar com ele. “Víamos esse rapaz passar aqui na rua e até o cumprimentávamos. Desta vez, a gente começou a conversar dizendo que ele era uma pessoa do bem, que conhecíamos ele e que o desfecho da sua vida não precisava ser aquele”.

Após a conversa, o indivíduo aceitou que o funcionário orasse por ele e lhe desse uma Bíblia. “Meu colega até deu um abraço nele, e o homem foi embora levando só o presente”, contou. Para Lourdes Passos, dona da livraria, o fato foi um verdadeiro milagre.

“Nossas lojas nunca tinham sido assaltadas com alguém que mostrasse uma arma para os funcionários. Graças a Deus não aconteceu nada pior, e o homem ainda levou uma Bíblia que pode transformar a vida dele”, afirmou.

Preso em seguida

Mas o homem não foi longe. De acordo com a Polícia Militar, o indivíduo terá bastante tempo para ler o livro, pois foi preso cerca de duas horas depois, enquanto tentava roubar outro comércio no Centro da cidade. Com ele, foi apreendida uma pistola de brinquedo, usada para intimidar as vítimas.