“Eles estavam roubando quase semanalmente na cidade de Curitiba. A gente percebeu que eles estavam à vontade e que aqui tinha o público que queriam”, disse o Delegado Marcelo Guimarães, da Delegacia de Furtos e Roubos da capital, sobre a prisão de mais cinco integrantes de uma quadrilha especializada em roubo de relógios de luxo. Em agosto a quadrilha tinha sido alvo de grande operação.

Além dos presos, foram apreendidos ainda dez celulares, 1 revólver calibre 32 com 04 munições,  3 capacetes, 2 jaquetas , 3 motos e dois relógios da marca Rolex. Cinco foram presos, mas um ganhou liberdade, desta forma apenas quatro foram apresentados nesta sexta-feira (27).

O relato do delegado mostra que a quadrilha demonstrava confiança em praticar roubos e usava como estratégia aplicativos de entrega de comida ou serviço de motoboy para enganar as vítimas que normalmente estavam em carros de luxo. “Eles agiam em três ou quatro pessoas e um indivíduo sempre estava armado. Os outros faziam o trabalho de campana ou indicava quem seria roubado. Eles passam por telefone para aquele que estava com o revólver e aí a ação era realizada. Normalmente, o produto de roubo era repassado a alguns receptadores de São Paulo”, disse o Delegado.

+Leia mais! Motorista é fechado por caminhão e fica em estado grave com capotamento!

Prisão

O primeiro suspeito foi preso em flagrante ontem ( 26) pela Guarda Municipal e com ele foram apreendidos um revólver e uma motocicleta. Já os outros estavam retornando para a capital paulista, mas a agilidade da Polícia Civil impediu a fuga. “Acionamos a Polícia Rodoviária Federal, pois eles estavam em um ônibus na rodovia. O veículo foi interceptado e demos voz de prisão” , concluiu Marcelo Guimarães.

No começo de agosto, inclusive, um dos integrantes da quadrilha foi flagrado em vídeo roubando, armado, um relógio em plena luz do dia na Avenida Pedro Viriato Parigot de Souza. Relembre o vídeo!

Foto: Divulgação/Polícia Civil.
Foto: Divulgação/Polícia Civil.

O primeiro suspeito foi preso em flagrante pela Guarda, no bairro Batel na Capital. Com ele foram apreendidos um revólver e uma motocicleta. Ele estava com mandado de prisão em aberto, expedido na operação Cronos.

Outros quatro suspeitos conseguiram fugir da primeira abordagem. Porém, foram descobertos pela PCPR e presos em um ônibus já próximos ao estado de São Paulo, por volta das 22h30. Com eles foi encontrado um relógio Rolex roubado.

+Viu essa? Rodovia dos Minérios registra mais um trágico acidente

A PCPR também conseguiu descobrir o esconderijo utilizado pelos criminosos em Curitiba. Lá foram apreendidas outras duas motos utilizadas nos roubos.

Motociclista é atropelado por caminhão após perder o controle na Rodovia dos Minérios