A jovem encontrada morta com corte profundo no pescoço no bairro Cajuru, em Curitiba, na manhã deste domingo (05), foi identificada pelo Instituto Médico-Legal (IML). Trata-se de Kimberly Natali Cordeiro, 23 anos, possivelmente moradora do município de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, segundo informações da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Conforme investigadores da delegacia, Kimberly tem vários antecedentes criminais: três passagens por porte de armas (em uma delas, foi pega com uma pistola calibre .40) e uma por tráfico de drogas.

Leia mais: Caso Tatiane Spitzner (Guarapuava): Família cria página contra feminicídio

Feminicídio

Kimberly foi assassinada com um corte de faca profundo no pescoço, que seria um esgorjamento – na denominação da traumatologia forense, esgorjamento tem conceito diferente de degola. O cadáver foi localizado nos fundos do terreno de uma empresa da Rua Pedro Miguel Abib, no Jardim Acrópole, bairro Cajuru. No local, ninguém reconheceu a jovem.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Brutal: Mulher é enontrada ‘degolada’ em terreno baldio de Curitiba