Um caso de “sequestro remoto” chamou a atenção da polícia de Curitiba. O crime aconteceu no último domingo (25), quando uma mulher de 53 anos ficou “em poder” dos bandidos, por telefone, por 24 horas. Nas ligações, os criminosos fizeram ela acreditar que sua filha de 23 anos era quem havia sido sequestrada, para assim, tentarem tirar dinheiro da vítima. Um tipo de golpe que, de acordo com a polícia,  merece atenção, principalmente nessa época de fim de ano, período em as pessoas recebem o 13º salário.

+ Leia mais: Filho de delegado é preso por estelionato na Grande Curitiba

Conforme relato de familiares, a jovem saiu de casa por volta das 22h e pouco tempo depois, a família recebeu uma ligação falando do suposto sequestro. A garota foi logo localizada pela irmã, mas a mulher num momento de desespero, pegou o carro e saiu a procura da filha.

Cristiano Quintas, delegado-adjunto do Tático Integrado de Grupos de Repressões Especial (Tigre). Foto: Divulgação/Polícia Civil.
Cristiano Quintas, delegado-adjunto do Tático Integrado de Grupos de Repressões Especial (Tigre). Foto: Divulgação/Polícia Civil.

“A vítima estava ‘escondida’ num motel, a mando dos sequestradores e a equipe estava fazendo trabalho de garimpo. Tínhamos informação sobre uma área da cidade, mas não era precisa. Então a equipe passou a bater em hotéis e motéis e conseguiu resgatá-la”,  explicou o delegado-adjunto do Tático Integrado de Grupos de Repressões Especial (Tigre) Cristiano Quintas .

Segundo o delegado, como a prática é comum e a polícia já tem experiência em casos anteriores, a família foi assistida pela polícia enquanto as diligências eram realizadas.

+ Leia mais: Homens colocam vaca em Kombi para furtá-la de chácara na Grande Curitiba

Alerta

Quintas alerta a população para que não cedam às chantagens por telefone e que caso percebam qualquer indício de golpe dessa natureza, procurem a polícia. “Esses criminosos têm ambição e aproveitam a fragilidade emocional para extorquir. Então, a orientação é que não façam pagamentos em situações como essas”, finaliza.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Policial em surto cochila e Bope invade apartamento pra contê-lo