Antes de participar de assaltos a comércios e residências, Aline Sibila de Lima, 28 anos, “consultava” um pai-de-santo para saber se a ação seria bem sucedida. Na última visita, a “visão” do conselheiro espiritual devia estar embaçada: ela e outros quatro suspeitos de um roubo contra um frigorífico foram detidos em flagrante, na noite de sexta-feira (2).

De acordo com o delegado Rodrigo Brown, do Centro de Operações Especiais (Cope), o grupo vinha sendo investigado há algumas semanas.

Os policiais receberam informações de que na sexta-feira os criminosos foram até Pirabeiraba, nas proximidades de Joinville, em Santa Catarina, e cometeram um assalto contra uma família proprietária de um frigorífico. “Primeiro eles compareceram ao local, simularam interesse em adquirir uma peça de carne e, quando perceberam que o comércio já estava com pouco movimento, renderam os proprietários – um casal de idosos”, explicou o delegado. Os bandidos foram muito violentos e levaram cerca de R$ 38 mil, além de objetos como eletrodomésticos e eletrônicos.

Esconderijo

Os policiais descobriram o esconderijo da quadrilha, no bairro Pinheirinho, e prenderam em flagrante Aline e o companheiro Marcos Aurélio Padilha, 32, Darci de Oliveira, 48, Rafael Hass de Araujo, 24, e Fernando de Oliveira Hass, 32.

No local foram apreendidos o dinheiro roubado, quatro revólveres calibre 38, cerca de 240 munições de diversos calibres, duas espingardas de calibres 32 e 38, uma espingarda de pressão, uma toca balaclava e camisetas com o símbolo da Polícia Civil. “Temos informações de que eles planejavam usar essas camisetas ou já estavam usando para se aproximar de possíveis alvos e até mesmo cometer os assaltos”, disse Rodrigo.

Estelionatário

Sobre as consultas de Aline, o delegado comentou que “felizmente esse pai-de-santo não passa de um estelionatário, porque não conseguiu detectar a presença dos policiais no encalço desses marginais”.

Marcos e Aline foram detidos em julho do ano passado pelo Cope, suspeitos de um roubo a uma videlocadora em Fazenda Rio Grande.